O Sinpro-Noroeste, representado por seu coordenador-geral, Valdir Kinn, participou nesta semana de um conjunto de reuniões preparatórias para o início das negociações coletivas deste ano, junto aos sindicatos patronais.
Após a série de assembleias para a retirada de pautas entre os professores da educação básica e da educação superior, foi formalizada a entrega das reivindicações dos trabalhadores. Na terça-feira, 8, houve encontro com o Sinepe, que representa o conjunto de instituições de ensino privado do RS. Na ocasião, também foi acertado um cronograma e a metodologia de negociação, que será dividida em câmaras para debater separadamente as especificidades do ensino superior e do ensino básico.

Reunião Sindiman
Na mesma terça-feira, no período da tarde, os sindicatos se reuniram com o Sindiman, que representa mantenedoras de instituições comunitárias do Estado.
Na ocasião também foi entregue a pauta de reivindicações, principalmente dos professores da educação superior vinculados às comunitárias. As pautas estão concentradas no reajuste salarial dos professores, limitador de alunos por turma para o ensino superior, e melhoria de condições de trabalho, no caso da educação básica, além da renovação das chamadas cláusulas sociais das convenções coletivas de trabalho.
As reuniões serão semanais, sempre às terças-feiras.